A melhor idade é para quem quer

“A melhor idade é para quem quer” é um artigo de Yasmim Rocha Debossan, pequena escritora de apenas 15 anos e autora do livro “O Amor Além das Estrelas”.

Para muitos, essa é uma época temida na vida. Rugas, flacidez da pele e cabelos brancos são apenas alguns dos sintomas que a perda da juventude trás de presente para todos. Apesar de tantos avanços tecnológicos para tentar retardar o tão receoso envelhecimento, nada se pode fazer para que a idade não fale mais alto e traga muitas alegrias, mas também muitas complicações, na tão conhecida “terceira idade”.

É muito comum associar a chegada de velhice com a proximidade da morte, no entanto, tal pensamento não corresponde a verdade, uma vez que, perante a lei, uma pessoa é considerada idosa quando possui idade superior aos 60 anos, e não são raros os casos que o falecimento só acontece após o centenário. A morte está presente em todos os lugares e pode acontecer a qualquer momento, sendo através de uma doença adquirida hereditariamente ainda no ventre da mãe, um acidente de carro na adolescência, uma parada cardíaca na meia idade, ou a velhice para o idoso.

Parece algo instantâneo, mas de repente aparecem vários problemas relacionados à saúde. A pressão, glicose, colesterol, tudo aumenta. As mãos começam a tremer e é necessário pedir para que repitam o que disseram. A visão já não é mais tão eficiente com a chegada da catarata. Surgem dores nos mais inusitados lugares que privam de movimentos simples. A força diminui, assim como a rapidez, a flexibilidade, a disposição e até a altura

Nada é motivo para tanta preocupação, são atos simples que podem reverter e melhorar todos esses aspectos negativos que chegaram sem convite ou aviso prévio. Primeiro de tudo: Exercício físico. Seja caminhada ao ar livre, natação ou andar de bicicleta por poucos minutos, mas todos os dias, é possível melhorar o bom humor, diminuir as dores, principalmente a da coluna, além de ajudar a combater o aumento da pressão arterial, glicose e LDL, o colesterol ruim, o que diminui o número de remédios tomados todos os dias, que com o passar da idade aumenta cada vez mais, e quanto menos drogas, melhor. Desde que seguidas de acompanhamentos por profissionais, para que não sejam feitas de maneira equivocada e tragam mais complicações, todo e qualquer tipo de atividade física faz bem para a saúde, para o corpo e para a alma, só não vale esquecer-se de alongar antes e depois da prática, combinado?

Uma dieta equilibrada é fator importantíssimo para um envelhecimento tranquilo e uma vida longa. Mas a boa alimentação deve estar presente durante toda a vida. É possível comer de tudo, desde que seja em pequenas porções. Churrasco com os amigos? Liberado. Uma sobremesa de vez em quando? Sim. Só não extrapole ou sua saúde e seu bem estar responderão de forma não tão agradável. São muitos alimentos que fazem bem à saúde e previnem contra várias doenças, como o infarto e até o Mal de Alzheimer, e nessa lista não constam somente produtos light e sem graça, até o chocolate amargo e o vinho fazem parte, assim como peixes, aveia, azeite, açaí, nozes e canela.

É uma idade para se aproveitar e se deixar mimar pelos carinhos dos filhos e dos netos, que enchem a casa da vovó e do vovô de alegrias. Não mais é necessário trabalhar, a menos que o trabalho esteja relacionado com prazer, se for trazer estresse, esqueça! Que tal viajar? Conhecer novos lugares e novas pessoas só trará benefícios para a mente. Não deixe de dançar e ir a shows, cante, pule, divirta-se com companhias agradáveis.

Existem crianças que são idosas. Existem velhinhos que são crianças. Não deixe de ser criança, nunca. Divirta-se como elas, ria como elas riem e brinque como se sua infância nunca tivesse chegado ao fim. Tudo na vida é feito de escolhas, de caminhos que podem ter diferentes significados. Escolha o caminho do bom humor, leve a vida na brincadeira, sem complicações.

É uma época complexa, independente de tudo. Todavia, tudo se baseia em escolhas. Você pode escolher fazer dessa a melhor idade, ou pode ser a pior. Não escolha complicar tudo, facilite sua vida. Com pequenos gestos, a terceira idade pode realmente ser a melhor de sua vida, você só precisa decidir que assim será.

Comments

  1. Izabel Skugor

    Como uma Pessoa com tao pouca idade tem tanta esperiencia.Texto exelente .

Leave a comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *